[FP] - DIANNA ERESH. GEIRSKOGUL

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] - DIANNA ERESH. GEIRSKOGUL

Mensagem por Dianna Eresh. Geirskögul em Ter Jan 17, 2017 5:23 pm


DIANNA E. GEIRSKOGUL

"Uma frase que combine com seu personagem ou que você goste"

Nome Completo: Dianna Eresh. Geirskogul
Apelido: Nenhum
Data de nascimento/Idade: 27/08
Cargo: Professora (Voo)
Nacionalidade: Suécia
Família: Eresh. Geirskogul
Casa a qual pertenceu: Sagesse (Beauxbatons)
PhotoPlayer: Bruna Hamu




Descrição Psicológica



Qualidades: Dianna é amavel e tem muita compaixão, intuitiva, pensa nos demais a sua volta, conhecidos ou não. Sempre otimista, nas piores situações ela é a única que consegue pensar num lado bom, tem uma grande criatividade e se estimula em seus pensamentos.
Defeitos: Gosta de se isolar e perde-se em seus pensamentos, é de um jeito muito único ingênua e se deixa levar pela lábia de outros e adora perde-se, tanto fisicamente quanto mentalmente.
Medos: Ser impedida de ir atrás de seus sonhos.
Vê testrálios? : Não
Cheiro na poção do amor : Café Amargo
Escreva brevemente a personalidade de seu personagem : Dianna é calma, paciente e amável. É sensitiva aos sentimentos dos outros. Não suporta aqueles que querem aparecer mais do que são, ou aqueles que diminuem terceiros para se destacarem. Preocupa-se mais com o problema dos outros do que os seus próprios.
Pensa muito mais com o coração do que com a cabeça, não é do tipo que obedece regras apenas por que elas existem e nem sempre combate tais coisas de modos convencionais sendo sempre um fator surpresa.  




Antecedentes Históricos



Dianna passou toda sua vida escolar em Beauxbatons junto com sua irmã Freya, e apesar de ser a mais nova se comportava como a mais velha, sempre cuidava de Freya e de seus problemas, sua irmã sempre foi impulsiva e encrencas não faltaram em seu currículo, e mesmo que Dianna fosse mais quieta sempre acabava envolvida. Era do tipo que preferia a teoria do que a prática mas isso mudou no momento em que passou a jogar Quadribol - se apaixonou pelo sentimento de competitividade e principalmente de tirar os pés do chão e parecer finalmente sentir seus sonhos de uma forma realística. Notas ótimas nas matérias que gostava e péssima nas que odiava, era oito ou oitenta em relação aos estudos. Quanto a relacionamentos nunca se envolveu em nada, afinal, não deixava brechas para que garotos se pretejassem amorosamente em relação a ela. 






Outros Dados

As olheiras eram visíveis no rosto da Dianna, a garota não havia fechado os olhos momento algum na noite anterior pela ansiosidade, tinha vinte e três anos e finalmente estava se sentindo pronta para voltar a um ambiente escolar em Hogwarts, assim como em sua época em Beauxbatons, entretanto dessa vez voltava como professora e não como uma aluna. Em frente ao espelho um sorriso simples formou-se em seus rosto ao lembra-se de como vivia correndo atrás de sua irmã Freya, elas eram tão diferentes, Dianna sempre foi quieta e sensata enquanto Freya era do tipo impulsiva e determinada, mas apesar de tudo, uma sempre cobria a sujeira da outra. E as coisas continuariam assim por mais tempo, Freya também era professora na escola britânica lesionando a aula de Duelos.

 A sueca mais nova desceu as escadas aos saltos, empolgada como se fosse uma nova aluna no castelo enquanto se deslumbrava com o edifício, corria aos campos cheia de ideias para a aula do primeiro ano. Ela não havia planejado aula alguma, deixou tudo para o último momento - que exemplo Dianna - o verde da grama e o céu sem nuvens demonstravam um ótimo dia para a aula. Apanhou algumas vassouras e as carregou desjeitosamente e esperou que sua primeira turma se apresentasse. Não demorou muito até que todos estivessem lá, onze horas em ponto, uma surpresa e tanto sendo que ela própria nunca havia chegado em uma aula a tempo. Encarou todas as jovens faces ali e estranhou o fato de todos terem mais ou menos uma média de quinze ou dezesseis anos, talvez a direção tivesse deixado passar em branco essa parte, deu de ombros, engoliu em seco e se apresentou. —Bem...vocês são um pouco mais velhos do que eu pensei, mas, sem problemas, vamos nos dar bem mesmo assim, certo? Eu sou Dianna Eresh. Geirskogul sua professora de Voo daqui em diante e, é isso! - O nervosismo presente em sua voz era claro mas não deixou que isso interferisse em seu trabalho.

Apanhou novamente as vassouras e foi entregando uma a uma a seus alunos, alguns estavam empolgados, outros receosos mas a nova professora oferecia a todos igualmente um belo sorriso encorajador. Com todos eles com o objeto em mãos a mulher voltou-se a frente para que todos pudessem vê-la. —Eu estou me preparando para dar aulas desde que me formei e finalmente estou aqui, dando aula a minha primeira turma e bem...se tem algo que vocês precisam saber sobre Voo é que medo de altura é algo que precisam descartar! - Juntou as mãos como se parecesse preocupada —Talvez alguns de vocês já conhecem esse medo, e outros apenas o mantem dentro de si e o desconhecem, mas se tem algo que tenho certeza é que em todas as turmas, todas, a maioria possui esse medo, ainda sim, salve exceções! - Nesse momento algumas risadas soavam ao fundo e alguns comentários se formavam um murmurinho...Como esperado.

 Dianna baixou a cabeça e esboçou um sorriso presunçoso —Se acham que estou mentindo experimentem, subir numa vassoura é fácil, controla-la é um fator pessoal, depende de vocês e os corajosos sintam-se a vontade para experimentar esse momento único na vida de um bruxo que é voar. - Estendeu as mãos para que todos experimentarem tal ato, o silêncio tomou conta do campo e Dianna iria prosseguir a aula até que um garoto Grifino se colasse dois a passos a frente aceitando o desafio proposto, não disse nada, seu olhar auto confiante era mais do que suficiente para entregar o recado. Passou a perna esquerda pela vassoura e sentou-se na mesma, retirou os pés do chão e num momento estava flutuando, cada vez mais alto, mais e mais, num determinado ponto olhou a baixo rindo, teria conseguido provar o contrário e descreditar sua professora? —Realmente, "professora", você sabe mesmo do que fala! - Dianna cruzou os braços e apenas observou o que seria sua vitória. A vassoura começou a desestabilizar, indo de um lado para o outro, e gritos eufóricos de "Estou muito alto" - "Não consigo descer" espantaram a todos.

—O que você disse? Está muito alto, não te esculto! - O desespero do menino arrancava risos dos demais, mas não deixava de ser uma situação delicada, caso a diretora Annabeth visse o que Dianna estava fazendo em sua primeira aula, com certeza não havia uma segunda. Retirou a varinha do bolso, juntou alguns alunos abaixo e onde estava o menino e os instruiu a fazer uma espécia de cama de gato. —Mantenham o braço firme. - Disse junto a uma piscada. Apontou a varinha ao alto e vociferou um feitiço —Accio Vassoura. - O objeto veio para as mão da sueca e o garoto despencou sobre o braço dos demais posicionados anteriormente, ofegante e aparentemente como medo ele encarou Dianna e apenas pode dizer —LOUCA! - para depois correr de volta ao castelo.

—Acho que isso prova o que eu disse e espero não ter mais experiências como essa por aqui, okay?! Aos que ficaram, apenas quero que tomem isso como uma lição, estou aqui para ensinar e não para perder tempo mas achei que fosse necessário uma demonstração do que pode ocorrer com aqueles que não sabem ficar em seus devidos lugares. Sem mais, teremos uma aula séria da próxima vez, dispensados...
Creado por Frozen

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] - DIANNA ERESH. GEIRSKOGUL

Mensagem por Narrador em Ter Jan 17, 2017 7:51 pm






ficha aprovada

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum